sexta-feira, 28 de dezembro de 2012


DIA DO EVANGELHO


O último dia 11 de dezembro marca o Dia do Evangelho, e eu gostaria de dizer algumas palavras sobre estes textos sagrados que, ao registrarem, com riqueza de detalhes, relatos da vida de Jesus Cristo, constituem poderoso instrumento de transmissão dos ensinamentos divinos à humanidade.

Para alguns, que já partilham da fé no Senhor, eles são meio de constante fortalecimento da crença cristã; para outros, que ainda não tiveram a felicidade de pôr Deus no cerne de suas vidas, a leitura atenta dos Evangelhos representa uma oportunidade única e poderosa de conversão.


São quatro os Evangelhos reconhecidos como autênticos e inspirados por Deus – os escritos pelos apóstolos Mateus, Marcos, Lucas e João.  A composição destes Evangelhos baseia-se naquilo que os apóstolos viram e ouviram quando estavam com Jesus e nas aparições que tiveram d`Ele depois da ressurreição.

Numa sociedade afligida pela crescente violência, desamor, brutalidade e ignorância, a leitura dos Evangelhos constitui valioso bálsamo, farol potente capaz de guiar com segurança a humanidade na direção de uma vida plena de sentido, marcada pela fé e pelo amor, a Deus e ao próximo.

Sabemos, por experiência própria, que sem o amor transcendente, que nos eleva acima das vicissitudes do cotidiano, não há possibilidade de realização para o homem. O amor a Jesus, que é despertado e fortalecido pela leitura fervorosa dos Evangelhos, é a única bússola capaz de nos guiar com segurança pelas difíceis encruzilhadas da vida, confortando-nos com a certeza de que, por maior que seja o tamanho do desafio, Cristo estará nos esperando ao final da caminhada.

Todo cristão tem, portanto, o compromisso de partilhar este tesouro com seus irmãos do mundo inteiro, ajudando a propagar, nos quatro cantos do planeta,  a Boa Nova contida nas Escrituras. Uma das mais belas passagens dos Evangelhos, aliás, está em Marcos, capítulo 16, versículo 15, quando Jesus, ressuscitado, aparece aos seus discípulos e lhes diz: “Ide por todo mundo e pregai o Evangelho a toda criatura”.

Por: Bispo Antonio Bulhões
Data: Sexta, 28 de Dezembro de 2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário