terça-feira, 21 de fevereiro de 2012

ACEITAÇÃO

Quando você respeita seu parceiro, consegue aceitar mais facilmente seus erros e seu lado negativo.

O sentimento de se sentir aceito pelo que você é torna-se um fator importante no desenvolvimento de qualquer relação. Sentir-se apoiado e compreendido são termos descritivos usados cada vez mais por casais amorosamente comprometidos.


Em sua essência, a qualidade de aceitação a que nos referimos significa uma pessoa se sentir amada pelo que ela é, e não somente por aquilo que ela faz.

Quando o sentimento de aceitação está presente em um relacionamento, os parceiros sentem prazer em estar juntos, sem se preocuparem com eventuais erros que possam cometer, e despreocupados quanto à necessidade de produzir, realizar, ou entreter um ao outro.

Se o amor e o carinho resultam principalmente de condutas transitórias, nunca se pode baixar a defesa e relaxar realmente. Esta vigilância constante é, na realidade, uma forma de pressão, que poderá em pouco tempo fazer com que você evite seu parceiro, a fim de se sentir livre e em paz consigo mesmo.

Esteja sempre pronto a compartilhar com seu cônjuge seus mais profundos sentimentos, suas inseguranças, seus sonhos, suas esperanças, suas dúvidas, seus fracassos e sucessos. Isto faz com que estejamos realmente emocionalmente ligados um ao outro.

Por: Bispo Antonio Bulhões
Data: terça, 21 de Fevereiro de 2012 às 23:00

Um comentário: